terça-feira, 7 de junho de 2011

E o país mudou

Depois do voto a maioria dos portugueses decidiu mudar. Mudar de partido, mudar de líder, mudar de políticas, mudar de ideias, enfim mudar de vida.
Falta agora começar a apresentar resultados, com firmeza, determinação, enfoque e execução de todas as medidas já amplamente debatidas e decididas. Agora não há tempo para nos distrairmos a olhar para trás, sob pena de voltarmos a bater contra a parede. Se assim for, o resultado a apresentar ao mundo será positivo e o Mercado irá premiar, provando que é possível mudar para melhor. E como diz o provérbio popular, quem muda, Deus ajuda.

2 comentários:

jopal disse...

Boa tarde,
Não concordo. Mudámos? Não me parece, Aliás tenho a certeza. Há um ditado muito antigo que diz: a m.....é a mesma, só mudaram as moscas.
não mudámos nada..o sistema economico é o mesmo..mandam os mesmos...mais ligeiro ou mais pesado o final é o mesmo.
ESTE SISTEMA POLITICO OU ECONOMICO em que vivemos está caduco...porque está baseado no EQUIVOCO. E enquanto persistir não se muda nada. SABE O QUE É O EQUIVOCO?

Pedro Sequeira disse...

Obrigado pelo seu comentário. Se toda a gente pensar assim então é que nada muda. A atitude mais fácil é olhar e criticar. O mais difícil é cada um de nós participar de forma activa na mudança. Cada um de nós deve ser um agente de mudança, por mais pequeno que seja. Atitudes de fatalistas não nos levam a lado nenhum.